CATEQUESE

PROPOSTA DE CATEQUESE FAMILIAR

 

Miguel Falcão

 

 

Com vista à Catequese Familiar, propõe-se um esquema a usar pelos pais e destinado a crianças de 6 a 10 anos.

Como se vê, o método parte da experiência da criança e procura ajudá-la a compreender a realidade, ao mesmo tempo que se lhe ensinam algumas verdades naturais e sobrenaturais.

Bibliografia: PEDRO DE LA HERRÁN – ADOLFO PETIT, «A minha primeira Confissão e a minha primeira Comunhão», Rei dos Livros, 3.ª edição, Lisboa 1998.

 

 

CATEQUESE

 

16.ª Lição

A celebração da Eucaristia ou Santa Missa

 

– Qual é a principal celebração festiva dos cristãos?

É a celebração da Eucaristia ou Santa Missa, nos domingos e dias santos.

 

– O que é a Eucaristia ou Santa Missa?

É a celebração da entrega que Jesus fez da sua vida a Deus Pai, para nós recebermos o perdão dos pecados e vivermos na graça de Deus.

 

– Que relação tem a Eucaristia ou Santa Missa com o sacrifício de Jesus na Cruz?

A Santa Missa torna presente no altar o sacrifício de Jesus na Cruz, de modo a podermos participar nele.

 

– Como é que a Santa Missa torna presente o sacrifício de Jesus na Cruz?

Foi Jesus que, na Última Ceia com os Apóstolos, tornou presente o sacrifício que ia oferecer e disse aos Apóstolos que fizessem o mesmo no futuro.

 

– Como é que, na Última Ceia, Jesus tornou presente o seu sacrifício na Cruz?

Jesus tomou o pão, deu graças a Deus, partiu-o e entregou-o aos Apóstolos para comerem, dizendo que era o seu Corpo que ia ser entregue; pouco depois, fez o mesmo com o cálice com vinho, dizendo que era o seu Sangue que ia ser derramado.

 

– Que relação há entre a Última Ceia e a Santa Missa?

Na Santa Missa, o sacerdote que celebra faz o mesmo que Jesus fez na Última Ceia, porque Jesus lhe deu esse poder.

 

– Qual é momento mais importante da Santa Missa, em que Jesus e o seu sacrifício na Cruz se tornam realmente presentes?

É o momento da Consagração, em que o pão e o vinho passam a ser o Corpo e o Sangue de Jesus oferecidos a Deus na Cruz.

 

– Na Santa Missa, como podemos viver com Jesus o seu sacrifício na Cruz?

Unindo-nos a Jesus com fé e com amor durante a Santa Missa e, se estivermos bem preparados, recebendo a Jesus na Sagrada Comunhão.

 

– É preciso comungar o pão e o vinho consagrados, para recebermos Jesus na Sagrada Comunhão?

Não; basta recebermos a Hóstia consagrada, porque Jesus ressuscitado está tanto no pão como no vinho consagrados.

 

– Por que é que se guarda no Sacrário a Hóstia consagrada?

Como Jesus está presente na Hóstia consagrada, ela fica guardada no Sacrário para poderem comungar os doentes e os que não puderam ir à Missa; e também para podermos acompanhar a Jesus sempre que quisermos, experimentando o seu imenso amor. 

 

– Por que se celebra a Santa Missa nos domingos e dias santos?

A Santa Missa celebra-se todos os dias; mas os cristãos têm obrigação de participar nela nos domingos e festas de guarda, porque nesses dias se recorda a Ressurreição de Jesus e as festas cristãs mais importantes.

 

– O que nos manda o primeiro mandamento da Santa Igreja?

Manda-nos participar na Santa Missa e abster-se de trabalhos desnecessários nos domingos e festas de guarda.

 

 

 

 

 

 

 


Imprimir | Voltar atrás | Página Inicial